Celebração [MINUTO COM DEUS]

Oração do dia – Minuto com Deus

Senhor meu Deus, aqui estou.
Diante de Ti e ansiando por seu olhar.
Eu sou fraco, mas o Senhor é forte.
O mal me sonda, mas Tu estas comigo.
Dê-me um grão de areia de sua força, Pai.
Ajude-me a resistir a tentação do mal.
Não me deixe cair em dúvida e dê-me a mão, Senhor.
Porque somente o Senhor meu Deus é a certeza, força e a esperança.
Amém.

Meditação do dia – Como estudar a Bíblia

Leitura Bíblica: Neemias 8.1-12.
A tua palavra é lâmpada que ilumina os meus passos, e luz que clareia o meu caminho (SI 119.105).

Minha mãe sempre dizia brincando que o melhor sanduíche do mundo é pão com fome. Que verdade! Só quem não tem fome “faz luxo” com o alimento.

Durante o cativeiro entre um povo estranho, Israel havia perdido o contato com a lei de Deus e estava num lamentável estado de ignorância. Mas um dia o povo voltou a ter contato com a Lei e, quando ela foi explicada detalhadamente, trouxe uma reação intensa: todos choraram copiosamente.

De repente tinham luz para ver o seu próprio estado: sujos e esfarrapados; compreenderam como estavam longe do Senhor. Puderam ver que trilhavam descaminhos desagradáveis ao seu Deus e se entristeceram.

Seria normal que os escribas os acusassem, mas, pelo contrário, eles consolaram o povo. Nada de tristeza, hoje é dia de festa! Como assim, dia de festa com uma constatação destas? Porque a Palavra de Deus lhes trouxera luz para viver. Alegravam-se em aprender do Senhor e queriam agradá-lo. Ao invés de se lamentar, foram enviados a celebrar!

Arrependimento e confissão são os primeiros passos para a celebração diante de Deus. Cultuaram ao Senhor, prostraram-se, celebraram reunidos, mas depois continuaram no mesmo ambiente de celebração, alegrando-se neste Deus maravilhoso que cumpre os seus propósitos e ama o seu povo.

Foram comer, beber e repartir. Fico pensando: tendo a Palavra disponível nas mãos em nosso próprio idioma, nem fazemos ideia do que é ter fome dela. Encaramos seu estudo com displicência, perdemos oportunidades preciosas de aprender mais, de ouvir o seu ensino. Estamos saciados, ou achamos que estamos.

Por outro lado, lembre-se que cultuar a Deus não é só reunir-se em um lugar, cantar louvores, ouvir a leitura e exposição da Palavra, mas o culto continua no dia-a-dia, comendo, bebendo, fazendo tudo o que fizermos para a glória de Deus. Inclusive repartindo com quem não têm.

Não desperdice o tesouro que você tem em suas mãos!